NOTA DE APOIO AOS PETROLEIROS

Diante do cenário político e de luta vivido no Brasil nos últimos dias, o SINTECT-MA vem a público declarar seu apoio ao movimento grevista dos petroleiros: 

Como organização que luta em defesa dos direitos dos trabalhadores, não poderia ser diferente, portanto, manifestamos nosso apoio e solidariedade ao movimento grevista dos trabalhadores petroleiros, ainda que a previsão seja de 72 horas. 

Entendemos que os companheiros estão agindo corretamente e que são justas as suas reivindicações, por se tratarem da defesa não apenas da redução dos valores do combustível e do gás, quanto da defesa daquilo que é um dos poucos patrimônios do povo brasileiro e contra o seu desmonte – A Petrobrás. 

Não podemos compactuar com a entrega da Petrobras para ao capital estrangeiro, pois se trata de uma empresa importantíssima para a economia brasileira e isso afetaria diretamente os já bastante elevados preços dos combustíveis e do gás. Vale dizer que isso tornaria ainda mais difícil que o trabalhador com salários tão baixos possa adquirir seu combustível ou mesmo o gás de cozinha, ambos que já tiveram diversos reajustes só esse ano.  

É preciso que protejamos nossas empresas e o papel que cada uma delas no Brasil e na vida dos brasileiros, para que assim haja crescimento e desenvolvimento do país e das pessoas que aqui vivem. 

Enquanto trabalhadores e entidade sindical, precisamos nos unir contra todo tipo de atitude desse governo golpista contra o nosso país, que tem vindo com bastante força contra os trabalhadores e tudo o que eles representam, sem o menor tato para lidar com as questões que envolvem a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores e trabalhadoras do nosso país.  

Repudiamos a atitude do governo que demonstrou extrema dificuldade em manter uma linha aberta de diálogo com os trabalhadores em busca de uma negociação que levasse a uma solução. Isso fez com que a negociação se tornasse ainda mais dificultosa, gerando um impasse entra as partes. 

O movimento Sindical infelizmente, tem sofrido ataques por parte da “mídia”, que tenta desmerecer e diminuir seu trabalho e desgastar sua imagem diante da sociedade, fazendo com que perca sua credibilidade. Isso também faz parte das políticas do governo, para nos separar cada vez mais, ao invés de unir. Porque o governo sabe como ninguém a força de um movimento sindical que luta verdadeiramente pelos interesses dos trabalhadores. A Reforma Trabalhista foi o ponta pé inicial para o desmonte do movimento Sindical e tudo o que ele representa. 

Por isso se faz tão necessário que nesse momento, na conjuntura política em que vivemos, venhamos nos unir cada vez mais, contra os verdadeiros inimigos do trabalhador – O governo e o patrão. Não podemos permitir que o legado do sindicalismo sério e compromissado com o trabalhador seja tão tristemente deixado para trás. 

O SINTECT-MA chama à unidade todos os trabalhadores e trabalhadoras para juntos lutarmos em defesa dos nossos direitos tão duramente conquistados ao longo dos anos e das batalhas, por sindicatos mais fortes e negociações que busquem o bem-estar e o fortalecimento do trabalhador, mais políticas públicas e sociais e melhores condições de vida e de trabalho para cada trabalhador. 

DIRETORIA COLEGIADA DO SINTECT-MA 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *